Programa de Residências Nacionais – 2013

Programa de Residências Nacionais – 2013


Residentes:

artistas:
Beto Shwafaty
Estandelau

Raquel Schembri
Roberto Freitas

pesquisadores:
Daniel Toledo
Marina Câmara




O programa de residências artísticas realizado em 2013 apresentou novidades em relação às edições anteriores. Pela primeira vez, foi aberta uma vaga destinada
 a pesquisadores, críticos ou curadores para a realização de um projeto de investigação artística.

O estabelecimento de práticas colaborativas entre os residentes e o desenvolvimento de projetos que partem de processos criativos mais reflexivos e abertos à participação de outros públicos sempre foram preceitos claros nas residências promovidas pelo JA.CA. No campo artístico, as fronteiras entre reflexão e prática estão cada vez mais tênues e não podem ser confinadas a lugares específicos, como a Academia ou a galeria.

Ao instaurar o convívio e a troca de experiências entre pesquisadores
e artistas em uma residência, o JA.CA parte do entendimento de que projetos de pesquisa e de prática artística não são categorias estanques e apresentam movimentos e traços semelhantes. Possibilitar que artistas e pesquisadores
 em arte trabalhem lado a lado contribui para a criação de redes de trabalho e, em especial, para
 a quebra de visões preconcebidas
e idealistas que costumam colocar em oposição a atuação do artista
e a do crítico de arte.

Outra particularidade da Residência 2013 foi a participação exclusiva de residentes brasileiros. A convocatória, aberta em agosto, anunciava a participação
de um artista estrangeiro, contudo, durante o processo de avaliação das propostas e contato prévio com os artistas pré-selecionados, o candidato selecionado, Alejandro Haiek (Venezuela), comunicou à comissão que, em razão de compromissos assumidos com outros trabalhos, não poderia permanecer no Brasil durante os meses de outubro e novembro.

No processo de seleção, o júri, composto por Brigida Campbell (artista, professora da EBA-UFMG e co-fundadora do EXA), Samantha Moreira (artista e fundadora do Ateliê Aberto, Campinas) 
e Francisca Caporali (artista, professora da Escola Guignard
 e co-fundadora do JA.CA), 
priorizou propostas susceptíveis a colaborações entre o grupo e que fossem provocativas para o contexto da residência. Nesse sentido, dentre os projetos inscritos, seria mais proveitoso para a iniciativa substituir 
a vaga do artista estrangeiro 
pela participação de outros dois artistas brasileiros.

Em meados de setembro, foi anunciado o grupo final dos participantes da Residência 2013, realizada entre 15 de outubro
e 7 de dezembro de 2013: os artistas Beto Shwafaty (Campinas-SP), Estandelau (Ibirité-MG), Roberto Freitas (Florianópolis-SC) e Raquel Schembri (Belo Horizonte-MG); e os pesquisadores Marina Câmara e Daniel Toledo (Belo Horizonte-MG).


Jardim Canadá
Centro de Arte e Tecnologia

Rua Vitória, 886

34000-000 . Nova Lima . MG

+55 31 3097 2322

info@jaca.center